Terça Feira, 12 de Dezembro de 2017
Sétima Arte: Blade Runner 2049


06/10/2017

O filme de Ficção Científica Blade Runner 2049 chegou aos cinemas ontem, arrebatando os críticos e instigando a curiosidade do público, tanto que tem todos os pré-requisitos para ser um fenômeno nessa temporada. Na coluna Sétima Arte de hoje você fica por dentro de tudo sobre esse grande sucesso do passado que volta com força total às telonas esse ano.

A estreia de Blade Runner – O Caçador de Androides aconteceu em junho de 1982 e pegou muita gente de surpresa. Nesse filme Ridley Scott demonstrou ao mundo toda sua capacidade de criação numa trama complexa, futurista, mas que levava o público a uma reflexão sobre temas relevantes da própria humanidade, como por exemplo, a moral.

Com o passar dos tempos Blade Runner – O Caçador de Androides se tornou um clássico, ganhando status de filme intocado, por fãs, pelos críticos e até mesmo pela indústria cinematográfica de Hollywood. Isso porque o produto final entregue ao público foi capaz de divertir ao mesmo tempo em que fazia pensar, apresentando um herói de moral duvidosa, um mundo futurista encantador e entregando ao mundo um gênero totalmente novo, o chamado “neo-noir”, um clima narrativo que lembra o charme e os mistérios dos filmes policiais, mas que conversa totalmente com o imaginário futurista ao qual está inserido.

Assim, passaram-se trinta e cinco anos até que Hollywood resolvesse dar uma continuidade digna à história de Blade Runner. Numa época como a nossa, em que revisitar clássicos do passado, sobretudo dos anos 1980, tornou-se, não apenas uma moda, mas uma inesgotável fonte de dinheiro, trazer Blade Runner de volta ao mundo dos vivos parece ser um sacrilégio. Mas, por outro lado, somos chamados a recordar o recente sucesso de Mad Max – Estrada da Fúria, que ressurgiu na atualidade com muito mais força e grandiosidade do que suas versões antigas, concorrendo na cerimônia do Oscar de igual para igual com grandes produções da atualidade e superando muitas delas.

Assim, Blade Runner 2049 é uma grande aposta, que tem tudo para dar certo e, pelo que podemos prever, se depender da crítica já deu. Pois os críticos têm tecido elogios rasgados ao trabalho desenvolvido pelo diretor Denis Villeneuve, que foi capaz de transformar a história numa sequência de tirar o fôlego. Soma-se a isso, a boa escolha de elenco, que traz de volta o veterano Harrison Ford e que investe na jovialidade do novo queridinho da América Ryan Gosling. A dupla Gosling e Ford tem química completa em cena e são uma verdadeira explosão de talento.

O visual estilizado e colorido do filme também chama a atenção e contribui para que o expectador mergulhe de cabeça na trama envolvente. Por fim, gostaria de dizer que o filme é por si só uma sequência de grandes spoilers, por isso, escrever a respeito dessa obra de Sci-fi não foi uma tarefa fácil de ser cumprida. Irei apresentar abaixo o mínimo possível da trama, para que você possa saber do que se trata sem comprometer seu divertimento no cinema, que reside especificamente nas grandes descobertas que a história vai apresentar ao longo de suas quase três horas de duração.

Vamos à trama! Trinta anos depois dos acontecimentos do primeiro filme, a humanidade se encontra novamente ameaçada e, dessa vez, o perigo pode ser ainda maior. Isso porque o novato oficial K, papel de Ryan Gosling, desenterrou um terrível segredo que tem o potencial de mergulhar a sociedade no completo caos. A descoberta acaba levando-o a uma busca frenética por Rick Deckard, interpretado por Harrison Ford, que está desaparecido há 30 anos.

Por que ver esse filme? Primeiro, porque é a continuação de um clássico. Segundo, porque, caso os críticos estejam certos, estamos diante de algo raro no cinema, uma continuação que supera seu filme original e isso por si só já vale uma ida ao cinema. Por fim, porque esse filme é um Sci-fi que realmente surpreende, emociona e choca na medida certa, algo muito difícil de encontrar nos dias de hoje. Boa sessão!

Fonte: Odailson Volpe


 
Veja Mais:

  • 08/12/2017 - Sétima Arte
  • 01/12/2017 - Sétima Arte: A Estrela de Belém
  • 24/11/2017 - Sétima Arte: Pai em Dose Dupla 2
  • 24/11/2017 - Espetáculo de dança conta história do Brasil.
  • 17/11/2017 - Sétima Arte - Liga da Justiça
  • 10/11/2017 - Sétima Arte - Borg Vs McEnroe
  • 03/11/2017 - Sétima Arte: A Noiva
  • 27/10/2017 - Sétima Arte - Thor – Ragnarok
  • 24/10/2017 - Obras doadas por artistas locais são catalogadas e compõem o acervo cultural do município
  • 20/10/2017 - Sétima Arte
  • 06/10/2017 - Sétima Arte: Blade Runner 2049
  • 29/09/2017 - Sétima Arte: Kingsman – O Círculo Dourado
  • 25/09/2017 - Sétima Arte - Mãe
  • 18/09/2017 - Sétima Arte: Feito na América
  • 04/09/2017 - Sétima Arte: Atômica
  • 28/08/2017 - Poetiza de Alto Paraná já tem 03 livros publicados e não pensa em parar de escrever
  • 25/08/2017 - Sétima Arte: A Torre Negra
  • 18/08/2017 - Sétima Arte: Annabelle 2 - A Criação do Mal
  • 11/08/2017 - Sétima Arte
  • 04/08/2017 - Sétima Arte: Planeta dos Macacos: A Guerra
  • 28/07/2017 - Sétima Arte: Dunkirk
  • 21/07/2017 - Sétima Arte - Transformers – O Último Cavaleiro
  • 13/07/2017 - Sétima Arte: Detetives do Prédio Azul – O Filme.
  • 07/07/2017 - Sétima Arte: Homem-Aranha: De Volta ao Lar
  • 30/06/2017 - Sétima Arte: Meu Malvado Favorito 3
  • 22/06/2017 - Sétima Arte
  • 22/06/2017 - Biblioteca Municipal Érico Veríssimo inova sistema de empréstimo de livros e cadastro de leitores
  • 16/06/2017 - Cultura cria Calendário com todos os eventos do Município
  • 16/06/2017 - Sétima Arte
  • 13/06/2017 - Viajar é preciso!
  •  
    © Jornal Noroeste - Escrevendo a história de Nova Esperança e região desde 1985
    Rua Governador Bento Munhoz da Rocha Neto, 354 - Sala 101 - Nova Esperança, PR - CEP 87600-000 - Fone 044 3252 3908
    Desenvolvido por Hnet Websites