Segunda Feira, 12 de Novembro de 2018
Sétima Arte - Slender Man – Pesadelo sem Rosto


24/08/2018

A estreia mais interessante dessa semana é um filme de terror controverso, polêmico e cheio de complicações durante sua produção, mas que no final entrega bons sustos para o público ávido pelo gênero. Slender Man – Pesadelo sem Rosto é o filme da vez na Coluna Sétima Arte de hoje.

Sem dúvida alguma, os críticos especializados em cinema formam um grupo bastante difícil de agradar e, muitas vezes, acabam impondo muito mais medo do que grandes monstros de filmes de terror. Pois quando esse grupo resolve malhar determinada produção, não há milagre que os faça mudar de ideia.

Dessa forma, existem muitos filmes que já são malhados antes mesmo de serem apresentados para o público e, independente do sucesso com o público, continuam sendo malhadso até o fim dos tempos. A história do cinema está cheia de casos assim, como por exemplo Psicose, de 1960, ou O Iluminado, de 1980, e Clube da Luta (um dos meus preferidos), de 1999. Amados pelo público, tornaram-se clássicos, mas odiados pela crítica, foram terrivelmente massacrados durante seus lançamentos.

Slender Man – Pesadelo Sem Rosto não tem cacife para ser comparado às obras-primas que citei acima, mas é claramente, mais uma vítima do preconceito da crítica especializada em cinema. O filme enfrentou inúmeros problemas ao longo de sua produção, desde a polêmica envolvendo a falta de sensibilidade com as vítimas reais que inspiraram a trama, até a briga entre os produtores e o estúdio, o que manchou os esforços prévios de o emplacarem como uma grande aposta. Mas, para piorar, o trailer do filme foi extremamente mal recepcionado pelo público, minando qualquer possibilidade da crítica de  analisá-lo com bons olhos.

É interessante comentar sobre a falta de delicadeza da trama, pois Slender Man – Pesadelo Sem Rosto é baseado numa lenda urbana surgida após a era da internet e que ganhou notoriedade em 2014 quando duas garotas esfaquearam uma amiga na floresta e a abandonaram para morrer (isso não é a trama, isso é fato acontecido). Sobre isso, existe até um documentário muito interessante da HBO, intitulado Cuidado com o Slender Man, que foi lançado recentemente e vale a pena ser visto.

No documentário é possível perceber a perturbação das garotas, que conforme relatos, afirmam que se não sacrificassem a amiga em nome de Slender Man suas famílias seriam assassinadas, comprovando que para elas o monstro era real o suficiente para impor muito medo. Esse monstro digital havia sido criado há pouco tempo, para um concurso na internet e viralizou rapidamente.

Como esse Slender Man (em português, homem esguio) virtual, bastante inverossímil foi capaz de impor medo é um mistério! Mas de qualquer forma, ele mexeu realmente com o psicológico das meninas e quase fez uma vítima fatal. Remexer nessa história apenas quatro anos após seu desfecho não parece algo muito inteligente, mas a indústria do cinema não está preocupada com o bem estar de ninguém e sim com o lucro, então, o filme estreou ontem.

E o que se apresenta na tela grande não é um filme ruim e está longe de ser uma produção caracterizada com B (tão comum para o gênero). Isso se deve à direção, ao elenco e ao orçamento.

Contando com um orçamento razoável, o diretor Sylvain White entrega um filme com um tom bastante sombrio, com cenas muito bem feitas e que se encaixam perfeitamente na fotografia, somando a tudo isso, o público ainda vai poder saborear ótimos e inesperados sustos.

O elenco é outro destaque positivo, contando com Julia Goldani Telles, Jaz Sinclair e a talentosa Joey King, que está aos poucos conquistando o título de musa adolescente. Ela já havia feito sucesso em um filme terror anteriormente, quando estrelou A Invocação do Mal, mas conquistou de vez o público adolescente ao protagonizar o megassucesso da Netflix, A Barraca do Beijo, um filme adolescente muito fiel aos filmes do lendário diretor John Hugues (pra quem não lembra, ele foi o responsável por sucessos dos anos 1980, como Curtindo a Vida Adoidado, Clube dos Cinco e A Garota de Rosa Shocking).

Agora, se tem algo ruim em Slender Man, isso ficou por conta do roteiro, pois o roteirista David Birke inicia bem sua história e apresenta ao público uma ótima ideia, mas, infelizmente, ela é muito mal executa e por isso, o final vai desagradar a muita gente. Uma pena, pois o filme apresenta ao longo de mais de uma hora e meia de duração vários bons momentos.

Vamos à trama! As amigas Wren, Hallie, Chloe e Katie levam uma vida entediante no colégio. Quando ouvem falar num monstro chamado Slender Man, decidem invocá-lo através de um vídeo na Internet. A brincadeira se transforma num perigo real quando todas começam a ter pesadelos e visões do homem se rosto, com vários braços, capaz de fazer as suas vítimas alucinarem. Um dia, Katie desaparece. Como a polícia não dispõe de nenhuma prova para a investigação, cabe às três amigas fazerem a sua própria busca, enfrentando a criatura.

Por que ver esse filme? Porque, independente dos problemas de roteiro, ele é bastante divertido e entrega o que propõe, os sustos. Os fãs dos filmes de terror, com certeza devem vê-lo, mas não espere algo inesquecível, pois o filme é apenas ok, e de qualquer forma, ok é bom! Boa sessão!

Fonte: Odailson Volpe de Abreu


 
Veja Mais:

  • 09/11/2018 - Sétima Arte: Bohemian Rhapsody
  • 26/10/2018 - Sétima Arte: Halloween
  • 19/10/2018 - Sétima Arte: O Primeiro Homem
  • 11/10/2018 - Sétima Arte: Nasce Uma Estrela
  • 05/10/2018 - Sétima Arte: Venom
  • 28/09/2018 - Sétima Arte
  • 21/09/2018 - Sétima Arte: O Mistério do Relógio na Parede
  • 21/09/2018 - Brincadeiras, truques de mágica e muita palhaçada alegraram os alunos do “Comecinho de Vida”
  • 14/09/2018 - Sétima Arte - A Freira
  • 06/09/2018 - Associação Divina Providência realiza 1ª Noite Cultural
  • 31/08/2018 - Sétima Arte
  • 24/08/2018 - Sétima Arte - Slender Man – Pesadelo sem Rosto
  • 17/08/2018 - Sétima Arte - Christopher Robin – Um Reencontro Inesquecível
  • 10/08/2018 - Sétima Arte
  • 08/08/2018 - Museu Rural conta a história da colonização
  • 02/08/2018 - Coach Jaiva Suelen ministra palestra sobre como aplicar conceitos e ferramentas capazes eliminar a z...
  • 16/07/2018 - Coral Municipal: marco da nossa cultura
  • 06/07/2018 - Sétima Arte: Homem-Formiga e a Vespa
  • 29/06/2018 - Sétima Arte: Hereditário e Os Incríveis 2
  • 22/06/2018 - Sétima Arte: Jurassic World: Reino Ameaçado
  • 22/06/2018 - Nova Esperança abrirá votação popular para escolha de um prato típico
  • 15/06/2018 - Sétima Arte: Oito Mulheres e Um Segredo
  • 12/06/2018 - Sétima Arte: Eu Só Posso Imaginar
  • 25/05/2018 - Sétima Arte: Han Solo - Uma História Star Wars
  • 18/05/2018 - Nova Esperança fazendo bonito na Expoingá 2018
  • 18/05/2018 - Sétima Arte - Deadpool 2
  • 11/05/2018 - Sétima Arte - A Noite do Jogo
  • 04/05/2018 - Sétima Arte - Paulo, Apóstolo de Cristo e Verdade ou Desafio
  • 30/04/2018 - Lenir Azevedo é coautora do livro “Equilíbrio: Corpo, Mente e Espírito”
  • 28/04/2018 - Sétima Arte: Vingadores: Guerra Infinita
  •  
    © Jornal Noroeste - Escrevendo a história de Nova Esperança e região desde 1985
    Rua Governador Bento Munhoz da Rocha Neto, 354 - Sala 101 - Nova Esperança, PR - CEP 87600-000 - Fone 044 3252 3908
    Desenvolvido por Hnet Websites